Como extrair o melhor dos canais de venda em seu hotel

Ter bons resultados nos canais de venda do seu hotel é essencial para seu negócio. Saiba como ter o melhor rendimento e conseguir aumentar suas vendas!

A comercialização dos serviços de um hotel pode ser feita de diversas maneiras. Existem as mais tradicionais, como a venda direta no balcão ou via central telefônica de reservas. E há também as mais modernas, que envolvem o comércio eletrônico e os canais de venda, conhecidas como OTAs.

Ainda existem empreendimentos hoteleiros que são muito ligados aos antigos processos, deixando de lado o poder do comércio digital para seus resultados. Mas a grande maioria dos gestores da hotelaria já captaram a capacidade e potencialização dos serviços digitais para ampliar a lucratividade de um hotel ou pousada.

Frente à essa vontade de fazer mais e absorver cada vez mais pluralidade nas formas de gerar receita, alguns gestores se perdem no comando da quantidade de canais de venda e na forma mais eficaz de realizar a comercialização em cada um desses canais.

É exatamente sobre esse detalhe que vamos falar nas próximas linhas. Veja abaixo algumas dicas para extrair o melhor dos canais de venda em seu hotel!

 

Como extrair o melhor dos canais de vendas no meu hotel?

 

Invista em seu próprio site

Um dos canais de vendas mais importantes para um hotel é seu próprio site. Além de ser uma ótima plataforma de divulgação dos serviços e estrutura, o site é um dos canais com melhor custo benefício, e pode ser isento de comissões dependendo do Motor de Reservas contratado.

Portanto, além de estar em todas as OTAs do mercado, seu negócio também tem um canal de vendas direto, com taxas reduzidas ou até inexistentes. Isso porque alguns Motores de Reservas cobram apenas um valor fixo, recorrente do sistema, independente da quantidade de reservas.

Se comparadas com as comissões das OTAs e das agências de viagem, o custo operacional para vender em seu site é muito reduzido, o que potencializa o retorno financeiro de forma substancial.

Para extrair o melhor do site, é importante:

  • Caprichar na apresentação;
  • Cuidado com o conteúdo das páginas;
  • Atenção nos protocolos de segurança para compras online;
  • Criar um endereço responsivo, capaz de se adaptar às telas dos celulares e tablets.

 

É importante também criar atrativos para que as compras sejam efetuadas diretamente com o hotel (afinal, quando o hóspede tem o costume de comprar em OTAs ou Agências, ele não é, de fato, um cliente do hotel, mas sim de quem efetuou a venda).

Criar promoções, pacotes especiais e programas de fidelidade são algumas das alternativas encontradas para segmentar na cabeça do consumidor que o seu site é o local mais interessante para realizar a compra.

 

Analise os resultados das OTAs antes de fechar o allotment

Cada canal de venda demanda a disponibilização de quartos para venda, o que é conhecido no universo da hotelaria como allotment. Muitos hotéis reclamam do pouco retorno trazido pelas OTAs (que ainda cobram cerca de 15 a 45% de comissão), porém, o erro é exatamente na disponibilidade.

Canais de vendas digitais, principalmente os mais renomados do mercado, recebem milhões de visitas diárias. Se a equipe de gestão não souber analisar o tamanho da demanda criada por esses sites e delegar poucas unidades para venda, é natural que o retorno seja aquém do esperado.

É importante saber que quartos parados não geram receita, valendo muito mais a pena aumentar a disponibilidade para as OTAs e pagar alta taxa de comissão do que fechar o dia com habitações ociosas.

 

Aproveite as funcionalidades dos sites de vendas

Os sites de venda permitem uploads de fotos em alta definição, abrem espaço para descrição das acomodações e serviços e, geralmente, possuem espaço para críticas e elogios dos hóspedes.

Essas ferramentas ajudam muito os hotéis a aumentarem suas vendas, portanto:

  • Tome cuidado com qualidade das fotos que coloca (sempre sendo ético e utilizando fotos atuais);
  • Seja minucioso nas descrições e detalhes;
  • Não se esqueça de responder as avaliações dos clientes.

Esse último ponto é importantíssimo para fazer com que haja uma interação positiva com o consumidor, auxiliando a fixar sua marca. Isso, de certa forma, contribui para a fidelização e aumenta as chances desse consumidor migrar de canal de venda, optando por comprar diretamente com o hotel.

 

Gerencie todos os canais de venda do hotel com tecnologia

Para extrair o melhor de cada canal de venda, nada melhor do que acompanhar de perto seus resultados, certo? Porém, quem trabalha nessa função sabe o quão trabalhoso é ficar alternando pelos relatórios de desempenho de cada site, analisando diferentes métricas e encontrando um padrão para todas elas.

Resumindo: perde-se muito tempo na gestão manual dos canais, mesmo quando são canais 100% digitais.

Diante desse desafio, surgiu no mercado o Channel Manager, um sistema de acompanhamento de resultados exclusivo para o mercado hoteleiro. Ele permite aos gestores uma análise completa, uniforme e centralizada dos resultados. Com ele, você pode:

  • Gerir todos os canais de venda a partir de apenas um local;
  • Ter controle de disponibilidade e reservas em tempo real, evitando confusões e overbookings.

Isso gera redução no tempo gasto com atividades de monitoramento e potencialização da estratégia. É importante buscar um Channel Manager que seja totalmente integrado ao seu PMS.

Não deixe de ponderar a adoção desses sistemas inteligentes como forma de reduzir a complexidade da gestão de canais de vendas do hotel e aumentar o tempo disponível para realizar outras atividades mais estratégicas.

 

Ao seguir essas dicas, a gestão dos canais de venda do hotel se torna uma tarefa mais fácil, dinâmica e estratégica. Lembre-se que o acompanhamento diário de resultados é um procedimento inteligente por parte da equipe de gestão, portanto, fique sempre atento aos resultados do seu hotel!

Gostou das dicas? Então não deixe de navegar pelo nosso blog para conhecer mais estratégias e tendências do mercado hoteleiro.